3 dicas de testes que irão turbinar as aberturas de seus E-mail Marketing!

em mar 26, 2014:por

José Lara

Diretor de CRM na eNext. Atualmente cursa o MBA em Marketing da Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalha desde 2006 com Marketing, com ênfase no mundo digital.
Views11
3-dicas-email

Lemos e ouvimos muito falar em testes no e-commerce, e com certeza uma das mídias com maior potencial de testes é o E-mail Marketing. Estruturar testes e tornar eles parte do dia a dia é algo fundamental e não tão complexo quanto você imagina.

Ouvi uma vez em uma palestra da Van Tran, Senior Strategic Consultant da Responsys, que “Se você não esta testando, você está adivinhando.” e é a mais pura verdade!

Desta forma, mostrarei 3 testes, que irão te ajudar a turbinar a abertura de seus e-mails. Lembre-se que a métrica a ser avaliada (KPI) é variação na taxa de abertura do e-mail.

1 – Remetente

Muitas pessoas acreditam que o remetente precisa ser fixo, e isso não é verdade. Com certeza você deve tomar muito cuidado ao alterar seu Remetente, porque ele é o primeiro ponto de interação entre o cliente e sua mensagem.

Uma boa opção de teste, é complementar o nome de sua marca, com alguma informação relevante. Mas utilize isso com moderação, como qualquer apelo promocional, se for feito com muita frequência, vira “paisagem”.

Hoteis.com

Veja o exemplo do Hoteis.com.

 

2 – Assunto

Com certeza é o mais testado de todos as variáveis, mas não se limite somente a trocar “aproveite” por “compra já”, existe diversas outras formas de realizar estes testes.

Veja alguns exemplos:

  • Nome do Cliente: Adicione o primeiro nome ou sobrenome no assunto do e-mail.
  • Localização: Muito utilizado para campanhas de Frete Grátis, “Frete Grátis para você que é de São Paulo”.
  • Dados de terceiros: Muito utilizado para campanhas de aniversário e casamento, “Não esqueça o presente da Fulana”, “O casamento de Ciclano e Fulana é semana que vem” etc.
  • Volume de desconto ou ofertas: Se você sabe a preferência de compra de determinado cliente informe o seu inventário. “Mais de 500 opções de camisas Polo” ou “Mais de 500 hotéis disponíveis em São Paulo”.

Estes são apenas alguns exemplos do que você pode fazer.

Assunto personalizado do LinkedIn

O Linkedin utiliza muito bem o remetente alterado e também campos dinâmicos no assunto.

 

3 – Snippet

O Snippet, aquele pequeno texto que resume o conteúdo da mensagem, muitas vezes não é utilizado. Ele deve sim ser utilizado, mas principalmente testado! Porque influencia diretamente na taxa de abertura.

As mesmas dicas de assunto servem para ele também, em resumo, utilize conteúdo dinâmico!

Snippets otimizados do ViajaNet

O ViajaNet utiliza muito bem os Snippets para melhorar a abertura.

 

Conclusões

Bom, agora é com você! Para fechar, seguem algumas dicas para estruturar seus testes

1. Analise seu programa de e-mail atual para encontrar oportunidades de teste.
2. Teste apenas 1 variável por vez
3. Garanta que você tem uma amostra suficiente para tomar uma decisão. Na dúvida teste novamente!
4. Escolha seus KPIs com clareza, se sua taxa de abertura é boa, tente testar outra coisa.
5. Torne o teste uma parte de seu dia a dia. Faça ele uma parte integrante do Marketing!

E não se esqueça de comentar sobre os testes que realizar ou em caso de dúvidas!

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

eNext Dashboard

eNext Dashboard

SLI Systems

SLI Systems

Calendário

 
JUL 25