40% dos negócios estão despreparados para a transformação digital

em jul 12, 2016:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
Artigo  contéudo

A IFS, empresa global de softwares de gestão empresarial, revela os resultados de uma pesquisa realizada com cerca de 500 tomadores de decisão seniores de empresas em setores como manufatura industrial, construção, varejo, petróleo e gás, automotivo, energia e utilities, além de outras indústrias. A pesquisa mostra que 86% dos entrevistados acham que a transformação digital irá desempenhar um papel-chave no mercado, porém 40% admitem que não possuem uma estratégia para isso.

Responsabilidades internas não estão claras para a transformação digital
Quando questionados sobre quem dentro da empresa tem a responsabilidade para conduzir a transformação digital, os entrevistados responderam que o CIO (40% das respostas), o CEO (39%) e o CFO (35%), enquanto o CTO (20%) e o CMO (6%) não foram considerados influentes nessa área.

Quando os líderes do board (C-Level) responderam sobre quem coordena a transformação digital, frequentemente apontaram a si mesmos. O resultado neste caso demonstrou que 53% dos CEOs consideram a si mesmos responsáveis. O número correspondente de CFOs e CIOs foram 69% e 63% respectivamente.

Alta prioridade, porém não há estratégia clara
Para 86% dos entrevistados, a transformação digital desempenhará um papel-chave em seus mercados nos próximos 5 anos, porém, ao mesmo tempo, 76% responderam que precisarão de mais informações sobre a transformação. Muitas empresas nunca foram muito longe na implementação de estratégias: 40% dos entrevistados afirmaram que não possuem uma estratégia clara para a transformação digital.

Tecnologias impulsionadoras da transformação digital
Ao serem solicitados para classificar as tecnologias disruptivas e o quão importante estas são para impulsionar a transformação digital nas indústrias entrevistadas, a pesquisa obteve a seguinte classificação:

(Escala = 1-100. 1= Sem importância, 100= Muito Importante)

· Internet das coisas: 59
· Computação em nuvem: 59
· Computação cognitiva: 55
· Máquinas que aprendem: 53
· Tecnologia Wearable: 48
· Impressão 3D: 42
· Tecnologia de Drone: 39

Diferenças regionais
· Entre os poloneses entrevistados, a maioria acredita que o CIO (57% das respostas) é quem conduzirá a transformação digital. Já 41% acreditam que é papel do CEO.

· Nos Estados Unidos, a maior parte respondeu que o CFO conduzirá a transformação digital(42%), apenas 30% acham que o CEO é o responsável, e este é o resultado mais baixo na classificação dos CEOs entre todos os países.

· 57% dos entrevistados brasileiros acham que o CTO é quem é o responsável pela transformação digital, e este foi o resultado mais alto para CTOs entre todos os países.

· Os escandinavos entrevistados acreditam que o CIO será um dos responsáveis pela transformação digital (45%), seguido pelo CEO (38%).

· Os asiáticos entrevistados mostraram-se incertos, 29% das respostas identificou que eles não sabem quem dentro da organização é o responsável pela transformação.

“A pesquisa mostra que os líderes seniores de grandes indústrias perceberam o potencial que a transformação digital oferece, porém, em muitos casos não possuem uma estratégia implementada para alavancá-la ainda. Parece que ainda há uma grande incerteza a respeito de quem realmente será o responsável por conduzir a transformação digital dentro das corporações. As empresas precisam esclarecer seus objetivos e traçar estratégias claras, a fim de utilizar plenamente o potencial de transformação digital “, afirma Mark Boulton, CMO da IFS.

Fonte: Ecommerce Brasil

veja também:

Como obter um diferencial e recompensar os clientes do seu e-commerce

Por: Alejandro Vásquez, cofundador da Nuvem Shop e diretor de CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo3

Geração “Y” de consumidores demanda muita atenção de varejistas

Por: Juan Pablo Uma estratégia móvel robusta nos dias atuais CONTINUAR LENDO…

Consumidores multicanal: a nova tendência do varejo

Por: Pedro Ivo Martins O consumidor mudou, online e offline CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo

5 métricas fáceis de analisar que ajudam a crescer uma fan page

Por: Camila Porto As principais dificuldades apresentadas pelos empreendedores e CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário