7 erros mais frequentes em campanhas de marketing no Facebook

em fev 26, 2016:por

André Palis

Administrador de Empresas, desenvolveu projetos para os setores moveleiro, têxtil e de alimentício na consultoria de estratégia Competitiveness. Fanático desde cedo por tecnologia, encontrou no marketing digital a possibilidade de unir paixão à sua formação profissional. Trabalhou no Google como Account Strategist e Account Manager para os setores B2B, Governo e Imobiliário, atendendo clientes como Petrobrás, Vale e GE.
Views33
Facebook

Sabemos que o marketing digital vem sendo um grande aliado da maioria das marcas. Essa ferramenta é uma parte do conjunto de ações de comunicação que uma empresa que visa captar e fidelizar seus clientes deve investir. Ela permite um foco na relação de orientação ao consumidor e avaliação de demandas do mercado, público-alvo e produtos para lançar ações promocionais.

Por ser um exercício criativo, as empresas que estão entrando nesta onda para investir em marketing nas mídias sociais, especificamente, no Facebook, precisam se atentar ao criar suas campanhas e entender que existem vários processos que não devem ser cometidos se o objetivo for o sucesso.

Conheça abaixo os erros mais comuns ao ingressar nesse mundo:

1-    Não ter estratégia ou target definidos

É de extrema importância elaborar um plano com os objetivos para que sua campanha tenha o papel certo de aumentar a participação no mercado e conquistar o respeito do público pela marca. Esse projeto requer investimento não só na implantação, mas também na manutenção da página. Portanto, saber  quanto e quando se deve investir na campanha, faz todo o diferencial desde o início.

2-     Campanhas digitais sem um site para conversão

A campanha de marketing digital tem como um dos objetivos atrair clientes para o site da marca. Por isso, é fundamental que exista um website, que possa ser responsável por converter os leads em clientes.

É um erro comum produzir e manter perfis no Facebook que não tenham conexões, pois isso diminui o alcance da campanha.

3-    Falta de supervisão e acompanhamento

Outra falha bem comum é não supervisionar o que está sendo postado. Isso significa estar atendo para que erros simples, como falta de correção gramatical, não caiam nos olhos do público.

Apagar sem rastros uma postagem é praticamente impossível. Uma vez na rede, a voz da sua empresa pode ser copiada e compartilhada.

4-    Usar espaço apenas como publicidade e propaganda

Não adianta publicar apenas os seus produtos e preços. Pela definição, as redes sociais são espaços de interação, portanto, é essencial ampliar os horizontes do seu público-alvo com materiais que combinem com a imagem que sua marca queira transmitir.

5-    Não desenhar e entender o seu público-alvo

O público das redes sociais não interage, necessariamente, da mesma forma que os clientes na loja física ou site. Ali o universo é outro. Isso significa que é preciso estudar seus hábitos de consumo, preferências, visão política, localização geográfica, faixa etária, nível de escolaridade e outras informações imprescindíveis.  Essa parte da pesquisa demanda um grande tempo e esforço, porém será um fator determinante para que a campanha seja bem sucedida.

6-    Não converter seguidores e fãs em clientes

Não adianta conquistar um número alto de seguidores se eles não interagem com sua marca e não demonstram interesses em seu conteúdo. É necessário convertê-los em clientes para a sua empresa e garantir retorno aos seus esforços.

7-    Não medir o ROI

O retorno sobre o investimento feito na sua campanha de social media será a prova de que todas as medidas listadas acima foram assertivas. Medir esse investimento serve para entender quais foram os erros e acertos da ação de marketing e ajuda a fazer um planejamento melhor para o futuro.

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

eNext Dashboard

eNext Dashboard

SLI Systems

SLI Systems

Calendário

 
JUL 25