90% das empresas devem usar análise de dados até 2020

em abr 18, 2017:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
Artigo contéudo

O estudo, encomendado pela Atos à Forrester revela que 40% das empresas já estão utilizando a análise de dados em atividades essenciais, como vendas, desenvolvimento de produtos e marketing. Essa tendência deve acelerar nos próximos três anos, com cerca de 90% das empresas utilizando insights de negócios orientados por esses dados até 2020.

O estudo conduzido por analistas independentes da Forrester Consulting analisou uma amostra global de mais de 580 empresas e gestores de TI de 11 setores empresariais em três continentes. Os dados mostram que 23% das empresas planejam implantar análise de dados nos próximos 12 meses. Isso apesar de um terço das empresas alegarem diversos obstáculos nesse processo.

Com relação às barreiras, 44% dos entrevistados veem o aumento na variedade dos tipos de dados não estruturados como um desafio significativo, enquanto 35% estão preocupados com as práticas tradicionais de dados em silos e com a falta de alinhamento entre as funções de TI e as empresarias.

“O ritmo no qual uma organização se beneficia da análise de dados é determinado tanto pela cultura quanto pela tecnologia. É por isso que na Atos colocamos a ênfase em uma abordagem orientada para os negócios com o Atos Codex, nosso conjunto completo de soluções de análise, computação cognitiva e IoT”, afirma Ursula Morgenstern, vice-presidente de Business & Platform Solutions da Atos.

A pesquisa examinou as ambições e prioridades de 11 setores empresariais e revelou uma clara ênfase em diferentes prioridades específicas do mercado, dependendo do setor. No setor de energia, por exemplo, a análise de dados é vista como um pré-requisito no desenvolvimento de redes de distribuição inteligentes.

Na indústria, a análise está intimamente ligada à fábrica inteligente, especialmente em relação à manutenção preditiva. A pesquisa fornece perfis empresariais reveladores em relação a atitudes e práticas analíticas em múltiplos setores, incluindo energia e serviços públicos, finanças, governo, indústria, varejo e telecomunicações.

Conclusões

Entre suas descobertas, a Forrester destacou a necessidade de as organizações serem rigorosas na definição de objetivos empresariais claros e quantitativos em todas as iniciativas de análise de dados: essa mudança é tanto sobre processo e cultura como sobre tecnologia.

Metodologia

Nesse estudo, a Forrester realizou uma pesquisa on-line com 583 líderes de negócios e de TI de empresas da América do Norte, Europa e Ásia-Pacífico para avaliar a estratégia e o gerenciamento da análise de dados de suas organizações.

Onze setores foram pesquisados, incluindo energia e sérvios públicos, serviços financeiros e seguros, telecomunicações, Varejo, Governo e Indústria. O setor industrial incluiu as áreas de alta tecnologia e engenharia, automotiva, fabricação de produtos de consumo, farmacêuticos, químicos e metais e processos.

Os participantes da pesquisa incluíram diretores, VPs e decisores de nível C. Os entrevistados receberam um pequeno incentivo como agradecimento pelo tempo gasto na pesquisa. O estudo teve início em setembro de 2016 e foi concluído em novembro de 2016.

Fonte: Ecommerce Brasil

veja também:

problema

Três objeções responsáveis por matar as vendas no e-commerce

Por: Rafael Souza. Quando um visitante acessa seu e-commerce e não CONTINUAR LENDO…

smartphones

Como os smartphones mudaram o mercado tradicional

Por: Carolina Marialva Muita gente não acreditaria na transformação, ou nos CONTINUAR LENDO…

sucesso

As 4 maiores desculpas para não se ter um e-commerce de sucesso

Por: Fábio Ricotta. Experiência do usuário, plataformas de automação de e-mails, CONTINUAR LENDO…

DESIGN

Design que atrai: como o layout da sua loja pode ajudar você a vender mais

Por: Galleger Ilhe. Desenvolver um e-commerce não é apenas expor os CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário

 
JUL 25