Black Friday deve movimentar R$ 2 bilhões em 2016

em nov 01, 2016:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
artigo-conteudo3

Apesar do baixo índice de consumo das famílias brasileiras devido à recessão econômica, a Black Friday, que acontece este ano no dia 25 de novembro, deve aquecer o mercado de varejo físico e online.

O evento é a maior data de venda do e-commerce no ano, já superando o Natal e outras datas sazonais consideradas importantes pelo comércio, como o Dia das Mães e Dia das Crianças.

De acordo com estimativa de dados gerados a partir do histórico das edições anteriores e com base no tráfego do site www.blackfriday.com.br, a expectativa de faturamento é alcançar a marca de R$ 2 bilhões, um aumento de 34% em relação a 2015, quando movimentou mais de R$ 1,53 bilhão.

Segundo o levantamento, na Black Friday de 2015 foram registrados mais de 3,1 milhões de pedidos. A previsão deste ano é aumentar o número em 29%, ultrapassando os 4 milhões de pedidos.

“No ano passado tivemos uma alta de 49% e essa tendência de crescimento deve se confirmar ainda mais com a crise econômica. As pessoas estão aguardando a data para as compras de fim de ano. Quem não estava comprando por causa da recessão vai aproveitar o evento atraído pelos descontos”, diz Ricardo Bove, diretor da BlackFriday.com.br.

Ainda de acordo com o mapeamento, o tíquete médio na Black Friday deverá ter uma variação em torno de 5%, um pouco acima de R$500,00. “No ano passado, o gasto médio foi de R$ 492,00 e para este ano espera-se leve aumento, devido ao amadurecimento da data e relativa estabilização dos produtos mais procurados”, afirma Bove.

De acordo com o estudo, os itens que devem se destacar serão os smartphones, seguidos por televisores, notebooks e eletrodomésticos.

Fonte: EXAME

veja também:

Como obter um diferencial e recompensar os clientes do seu e-commerce

Por: Alejandro Vásquez, cofundador da Nuvem Shop e diretor de CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo3

Geração “Y” de consumidores demanda muita atenção de varejistas

Por: Juan Pablo Uma estratégia móvel robusta nos dias atuais CONTINUAR LENDO…

Consumidores multicanal: a nova tendência do varejo

Por: Pedro Ivo Martins O consumidor mudou, online e offline CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo

5 métricas fáceis de analisar que ajudam a crescer uma fan page

Por: Camila Porto As principais dificuldades apresentadas pelos empreendedores e CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário