E-Commerce 2016 – Um panorama claro e definitivo

em ago 29, 2016:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
Artigo  contéudo2

O primeiro semestre do ano já se foi, e para o e-commerce as notícias são ótimas. Ainda que tenha apresentado 2,35% de retração nesses seis primeiros meses; levando em conta a situação econômica atual do país, os números são muito bons e promissores.

Entre janeiro e junho, foram registrados R$ 27,4 bilhões em faturamento, segundo a e-bit, considerando as categorias relacionadas à bens de consumo, turismo e auto. A principal delas, bens de consumo, lidera o índice, com a arrecadação de R$ 14,89 bilhões.

Esse total refere-se a 46% do montante previsto para o ano completo de 2016; que ainda aguarda momentos muito importantes para o mercado virtual, como o Dia das Crianças, a Black Friday e o Natal. Ou seja, a movimentação está apenas começando!

Enquanto isso, vejamos detalhadamente o desempenho das vendas virtuais até aqui:
Dia das Mães registra crescimento de 8%. Entre os dias 23 de abril e 7 de maio, o e-commerce esteve focado no Dia das Mães, comemorado no dia 8 de maio. E os retornos foram muito positivos: 4 milhões de pedidos, um ticket médio de R$380 e um faturamento de R$ 1,62 bilhão; resultando em 8% de crescimento, em comparação com o ano de 2015.

Dia dos Namorados fatura R$ 1,65 bilhão. As negociações realizadas para o Dia dos Namorados ampliaram em 16% o faturamento da data, se comparado com o ano anterior. Ultrapassando os 4 milhões de pedidos, com um ticket médio de R$ 410, foi faturado um total de R$ 1,65 bilhão.

Dia dos Pais tem faturamento 12% maior. Aproximadamente 4 milhões de pedidos efetuados, a um ticket médio de R$ 441, geraram receita de R$ 1,76 bilhão para as lojas virtuais entre 30 de julho e 13 de agosto. Diante desses números, especialistas afirmam que estamos em um processo de recuperação das vendas.

Essa análise refere-se apenas às datas comemorativas, onde o movimento de negociações virtuais é maior, no entanto, inúmeras lojas virtuais estão trabalhando duro durante todos os dias do ano para conquistar seu sucesso.

O e-commerce é uma porta de entrada para quem deseja ter um negócio promissor. Ainda que em crise, o brasileiro não deixa de consumir, e o empreendedor precisa encontrar o caminho certo para conquistá-lo.

Invista em seu e-commerce! Já estamos vivenciando o segundo semestre de 2016, e a hora de vender é hoje! Prepare sua loja virtual e sucesso!

Fonte: Administradores

veja também:

Como obter um diferencial e recompensar os clientes do seu e-commerce

Por: Alejandro Vásquez, cofundador da Nuvem Shop e diretor de CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo3

Geração “Y” de consumidores demanda muita atenção de varejistas

Por: Juan Pablo Uma estratégia móvel robusta nos dias atuais CONTINUAR LENDO…

Consumidores multicanal: a nova tendência do varejo

Por: Pedro Ivo Martins O consumidor mudou, online e offline CONTINUAR LENDO…

artigo-conteudo

5 métricas fáceis de analisar que ajudam a crescer uma fan page

Por: Camila Porto As principais dificuldades apresentadas pelos empreendedores e CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário