Economia Criativa

em set 14, 2012:por

945840_517701418288409_471137652_n

O sucesso de uma empresa não depende somente de tecnologias sofisticadas ou equipamentos modernos. É preciso inovação, criatividade e talentos! De onde vem isso? Das PESSOAS!

Novos modelos de negócios, processos e modos de fazer diferente só são possíveis graças à imaginação e inovação constantes das pessoas que têm vontade de fazer crescer seu negócio de forma inovadora. É a chamada Economia Criativa, composta por talentos e vontade de colocá-los em prática. É a economia de Steve Jobs, que nos mostrou como é possível criar produtos tecnológicos e inovadores usando e abusando da imaginação.

Hoje, transformar uma ideia em um negócio já é preocupação no Brasil e no mundo. Diversos cursos, eventos e palestras estão se tornando cada vez mais comuns para incentivar a prática da economia criativa. Em abril deste ano tivemos a Semana do Empreendedorismo Criativo, promovida pela ClearSale em parceria com a Livraria Cultura. Em meio a rodas empreendedoras e palestras com diferentes temas sobre empreendedorismo, o fio condutor principal eram os dilemas vividos por quem já iniciou ou está iniciando seu próprio negócio.

Empreender é uma jornada que envolve pessoas. Transcendendo a importância do lucro, o empreendedorismo engloba o privilégio de estar em contato constante com a subjetividade, a criatividade e o contexto individuais

Também não é possível usar a tecnologia sem pensar que por trás delas temos pessoas talentosas ávidas por criar coisas novas. Ademar Bueno, professor da FGV e um dos palestrantes na Semana do Empreendedorismo Criativo, diz que a “criatividade é quando a inteligência se diverte, e inovação é quando a criatividade te permite emitir nota fiscal!”. Porque, afinal, gerar resultados financeiros também é essencial!

E essencial também é a troca de conhecimentos! Se a inteligência se diverte criando coisas novas, porque não juntar várias cabeças pensantes e fazer um parque de diversões? Ter uma boa sacada é ótimo, mas ela pode ficar melhor ainda com discussões realizadas por diferentes pessoas, com experiências e histórias de vida distintas que muito podem colaborar para o desenvolvimento do negócio. Também se aprende trocando! Arrisque-se! É preciso se aventurar e apostar em territórios novos para ganhar espaço!!!

Por Letícia Silva, Comunicação Corporativa ClearSale

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

eNext Dashboard

eNext Dashboard

SLI Systems

SLI Systems

Calendário

 
JUL 25