Levantamento mostra que idosos cariocas adoram comércio eletrônico

em out 10, 2016:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
artigo-conteudo

O Brasil tem hoje mais de 26 milhões de idosos. Mas quem pensa que são vovôs e vovós como antigamente, está muito enganado. Eles, definitivamente, já não são mais como antes. São mais ativos e conectados. Trabalham, mesmo após a aposentadoria, e utilizam ferramentas digitais, como sites de comércio on-line e programas de fidelidade, para fazer o tempo e a vida render mais. Laerte Machado, de 66 anos, é um exemplo:

“Só não faço compras no supermercado pelo computador. De resto, compro tudo pela internet. Acho rápido e posso comparar os preços e comprar o que estiver com o melhor custo-benefício, além de ganhar Dotz para trocar por novos produtos depois”, diz o aposentado.

Ele é um dos 520 mil clientes mais ativos com 65 anos ou mais da Dotz, maior empresa de fidelização do varejo brasileiro. O programa fez um levantamento a fim de apresentar um raio-x do comportamento desse público. Os dados mostram que os idosos cariocas saem na frente quando o assunto é comércio on-line: 14% desses 520 mil usuários são da cidade maravilhosa, seguidos por Campinas (11%), Santa Catarina (10%) e Belo Horizonte (9%).

“De 2010 a 2016, houve um aumento de 1.800% no número de clientes dessa faixa etária. Os idosos não só ganham e fazem negócios com a ‘moeda’ virtual como, em 40% das vezes, também preferem o ambiente digital para trocar os Dotz por produtos ou serviços. E o tíquete médio desse grupo, ao fazer compras on-line, também se destaca: é de R$ 548,99, 10% acima da média dos clientes de outras faixas etárias”, revela Leandro Torres, Diretor Regional da Dotz no Rio de Janeiro.

A participação tão expressiva de idosos no comércio on-line é reflexo de outro fenômeno também recente: a permanência e/ou retorno de pessoas com mais de 60 anos ao mercado de trabalho, após a aposentadoria. De acordo com pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), mais de um terço da população com mais de 60 anos que está aposentada, se mantém ou retorna ao mercado de trabalho.

Fonte: E-commerce Brasil

veja também:

problema

Três objeções responsáveis por matar as vendas no e-commerce

Por: Rafael Souza. Quando um visitante acessa seu e-commerce e não CONTINUAR LENDO…

smartphones

Como os smartphones mudaram o mercado tradicional

Por: Carolina Marialva Muita gente não acreditaria na transformação, ou nos CONTINUAR LENDO…

sucesso

As 4 maiores desculpas para não se ter um e-commerce de sucesso

Por: Fábio Ricotta. Experiência do usuário, plataformas de automação de e-mails, CONTINUAR LENDO…

DESIGN

Design que atrai: como o layout da sua loja pode ajudar você a vender mais

Por: Galleger Ilhe. Desenvolver um e-commerce não é apenas expor os CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário

 
JUL 25