Quais os hábitos dos consumidores Brasileiros ?

em dez 18, 2013:por

Fabiola Barbosa

Licenciada em Marketing, Publicidade e Relações Públicas. Neste momento está cursando o Mestrado em Estratégia Empresarial. É colaborada da eNext e Nextecommerce.
ecommerce

O Zoom, em parceria com a M.Sense, consultoria especializada em estudos sobre o mercado online, realizou uma pesquisa para entender os hábitos dos consumidores brasileiros. Dos entrevistados, 89% pesquisam preços na internet antes de comprar, 78% acreditam que encontram melhores preços na internet do que em lojas físicas e 63% utilizam smartphones ou tablets para localizar lojas com ofertas e melhores preços.

Segundo o estudo, os produtos mais comprados pela internet pertencem à categoria de eletroeletrônicos e informática (47%), seguidos por eletrodomésticos (45%) e, artigos de moda (37%).  “Um estudo recente da M.Sense especificamente sobre a categoria de moda aponta um crescimento de 50% nas compras desses artigos pela internet. Esse número comprova o potencial desse mercado e explica por que grandes varejistas desse segmento estão chegando ao Brasil”, afirma Adriano Lopes, CEO do Zoom. O desafio para obter um crescimento ainda maior nas vendas de roupas tem sido a falta de padronização da numeração brasileira. É necessário que o mercado se organize para redefinir esse sistema. É muito comum que o tamanho M de uma loja corresponda ao tamanho G de outra, e essa falta de parâmetro dificulta a confiança do consumidor em comprar esses artigos pela internet, explica o executivo.

Já a lista dos produtos que as pessoas ainda não costumam comprar pela internet é liderada por alimentos e bebidas (49%). Automóveis/ autopeças (33%) e remédios (29%) aparecem na sequência do ranking. Além disso, a opinião de familiares e amigos e de outros consumidores são fatores que possuem papel de destaque na escolha dos produtos.

Entretanto, um dos principais motivos que faz com que o consumidor decida pela compra em determinada loja é ter a certeza de que terá uma boa experiência, o que engloba a confiança na entrega do produto e como o estabelecimento é avaliado nos sites de reclamações. “Por esse motivo, os comparadores de preço que têm como proposta apoiarem o cliente no momento que decidem comprar um produto pela internet podem ajudar e muito os consumidores, uma vez que reúnem ofertas, informações e experiências de compras em um único canal”, avalia  o executivo.

Perfil das pessoas que compram pela internet

Não existe uma distinção significativa entre mulheres e homens, mas foi registrado uma pequena superioridade feminina (5%). A compra online faz parte da realidade de todas as faixas etárias, porém a maior concentração desse mercado, que representa 19%, está na faixa dos 18 a 24 anos, enquanto que a idade média dos compradores online é de aproximadamente 36 anos.  As classes B e C/D são igualmente representativas e nota-se que a classe A, representada por apenas 7%, ainda está pouco inserida no mercado de compras pela internet.  Para esta pesquisa foram entrevistadas cerca de 3 mil pessoas por meio de questionários quantitativos estruturados online. A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima e para baixo das estimativas apresentadas.

fonte: http://ecommercenews.com.br

veja também:

final  tretas

Seja Responsável e Pense Responsivo

O fácil acesso à tecnologia mobile, como smartphones e tablets, CONTINUAR LENDO…

final landing page

A importância da Landing Page

Com tantas oportunidades de atrair clientes, podemos dizer que a CONTINUAR LENDO…

2.pjg

Irá o mercado on-line acabar com as lojas físicas?

Os mercados até agora têm resistido ao aumento das compras CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário

 
JUL 25