Segmentação aumentou receita da Wine em 200% no Facebook

em abr 05, 2017:por

Redação Next Ecommerce

O Nextecommerce é um canal para compartilhar idéias sobre as tendências e novidades que encontramos e produzimos no mercado.
Artigo contéudo3

A Wine é a terceira maior loja de vinhos do mundo, com uma estimativa de faturamento de 400 milhões de reais previstos para 2017 e um aumento de 30% em sua receita em relação ao ano anterior. Uma pequena mudança na forma como o e-commerce atua, porém, pode melhorar ainda mais esses números nos próximos anos.

A sua estratégia de dividir os clientes em clusters, considerando segmentações como faixa de preço do produto, ticket médio, histórico de navegação e histórico de compra, tem se mostrado uma tática certeira, de acordo com Gustavo Daher, gerente de marketing da loja.

Ao todo, são 30 segmentações diárias que mostram se o cliente já comprou anteriormente, ou se costuma adquirir vinhos do mesmo país, por exemplo. Os resultados são bem surpreendentes: um aumento de 50% na taxa de abertura de e-mails marketing, e 30% na taxa de clique. Para se ter uma ideia, mais de 40% do faturamento da Wine vem da sua newsletter.

Um case de sucesso é o hotsite “Cientista da Cerveja”, onde os consumidores podem construir sua própria bebida, gerando dados como intensidade do amargor e do açúcar, que podem servir para a segmentação posteriormente.

De acordo com dados da Wine, o hotsite teve mais de quatro mil interações, sendo dois mil novos usuários. “A ação trouxe mais tráfego para a marca e resultados positivos em termos de conversão. Estimamos que, no Facebook, a Wine tenha aumentado 200% a sua receita com essas ações”, afirmou Daher.

Outra experiência que tem dado certo, segundo ele, é impactar os ex-associados do Clube de assinaturas da Wine, baseado no motivo pelo qual o assinante se desvinculou. Com isso, o e-commerce conseguiu aumentar 15% a conversão, além de recuperar 400 assinantes – dentre os quais 152 voltaram a comprar, agora com ticket médio de R$ 392.

Para encerrar, Gustavo apontou a segmentação como uma boa alternativa à crise. “O mais importante é ver o que dá pra fazer dentro de casa. É nesse detalhe que você ganha o jogo”, finalizou.

Fonte: Ecommerce Brasil

veja também:

adwords

Como melhorar as vendas com o Google AdWords para e-commerce?

Por: Wallace Castro Você quer vender mais, economizar tempo e fazer CONTINUAR LENDO…

red bull

Marketing de Conteúdo te dá asas

Por: Renann Mendes Nunca fui muito fã de dar aulas, CONTINUAR LENDO…

shopping

Google Shopping: aprenda como usá-lo a seu favor

Por: Raquel Lisboa – Nuvem Shop É cada vez mais CONTINUAR LENDO…

email

Por que o marketplace é o assunto do momento no e-commerce?

O ano de 2017 está sendo marcado pela consolidação do CONTINUAR LENDO…

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

Calendário

 
JUL 25