Como produzir conteúdo para seu E-mail Marketing

em out 09, 2013:por

Fernanda Navas

Redatora na Next Target, já atuou em empresas de E-commerce como B2W e Fellipe Krein e cursa Comunicação Social com ênfase em Jornalismo pela Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação
Views26
content-is-king-580x290

O e-mail marketing é uma ferramenta eficaz para vender, mas também para se relacionar com seu cliente. Esse contato, quando bem explorado, transforma clientes ocasionais em consumidores engajados, que não só comprarão os produtos ofertados, como também replicarão as promoções para amigos e familiares.

Uma pesquisa realizada pela Inova Tecnologias, e publicada pela revista Época, aponta que 76% dos usuários de internet preferem receber ofertas e conteúdo das empresas através de e-mail marketing. Porém, a pesquisa também mostra que os cliente desejam um conteúdo mais relevante do que os que recebem atualmente.

Então, como tornar seu conteúdo mais interessante? Nos tópicos a seguir abordaremos dentro da estrutura de um e-mail marketing, o que pode ser melhorado na criação do conteúdo escrito.

• Briefing: O ciclo da criação do texto para e-mail marketing começa com um bom briefing. Ele deve ser claro e preciso. Se o briefing não for explicativo, o redator não conseguirá passar a mensagem de forma criativa e eficaz.

Subject ou Assunto: O assunto do e-mail é decisivo para que ele seja lido. É o primeiro contato, onde conquista-se o leitor. Crie assuntos chamativos, mas diretos e com o qual seu cliente vá se identificar. O objetivo aqui é despertar curiosidade, envolver para então fazer com que o cliente abra o e-mail, o ideal é que o “assunto” tenha até 50 caracteres.

• Chamada: A chamada principal do e-mail deve ser objetiva, direto ao ponto. Depois do “assunto”, é a “chamada” o ponto mais importante, a ponte para o leitor continuar a ler o conteúdo ou fechar o e-mail. O maior atrativo do e-mail deve ser destacado na chamada, preferencialmente em uma ou duas linhas, para deixar a visualização mais clean.

• Descrição da Chamada: Logo abaixo da chamada, é o espaço que você tem para explicar com mais detalhes o título, e a linguagem aqui já pode ser até mais descontraída, dependendo do perfil do público a quem a empresa se dirige.

• Destaque: No campo onde entra a oferta propriamente dita, o redator pode em poucas palavras descrever o produto, apresentá-lo se for o caso. Muitas vezes é possível fazer um link, em tom de conversa, entre uma oferta e outra, como se uma história fosse contada, mas em pouquíssimos caracteres.

• Call to Action: O botão que convida o cliente para a ação de compra, deve conter um texto curto, é esse o local em que o cliente vai clicar quando decidir comprar. Porém, ao invés de um “COMPRE AGORA”, suavizar o texto costuma funcionar melhor.

Resumindo, o texto deve ser envolvente, criar relacionamento com o cliente, despertar curiosidade e o interesse para que o leitor interaja com seu site. Isso vai deixar o conteúdo mais interessante, garantir o sucesso da campanha, e chegar ao resultado esperado pela sua empresa.

Deixe um comentário

O que achou do conteúdo? Compartilhe sua opinião:

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe seu e-mail aqui e receba as novidades do mercado

eNext Dashboard

eNext Dashboard

SLI Systems

SLI Systems

Calendário

 
JUL 25